sexta-feira, 22 de junho de 2007

Da Série Profissões Alternativas: A Vidente que Posvê

- Boa tarde, madame.

- Boa tarde, meu filho. Em que posso ajudar?

- Sabe, na verdade eu não acredito muito em videntes, mas têm algumas coisas um pouco incertas sobre meu futuro que eu gostaria de saber, e...

- Sobre seu futuro?

- Sim, meu futuro.

- Desculpe, mas eu não prevejo o futuro.

- Não?

- Não, senhor.

- Porra, a senhora é vidente e não prevê o futuro?

- Não, senhor, mas eu posvejo o passado.

- Posvê o passado?

- Sim, o passado. Tem algo que o senhor queira saber sobre seu passado?

- Claro que não, merda, do meu passado eu sei, eu estava lá!

- Tem certeza? Olha que eu sou muito boa, hein? Por exemplo, eu vejo que o senhor se casou... Não é verdade?

- É, é verdade... Mas isso qualquer um vê, eu tô usando aliança!

- Mas vejo também coisas ruins.

- Ah, é?

- Vejo um acidente... Um acidente grave... Um acidente em que o senhor machucou muito o braço...

- É lógico que você vê, caralho, eu tô com o braço engessado! Que espécie de vidência ridícula é essa, hein? Aliás, como é que a senhora pode ganhar dinheiro com isso?

- Vejo também um homem...

- Um homem?

- Sim, um homem... Um homem alto, forte, no banco carona do seu carro...

- Ora, e daí?

- Entrando num motel...

- O quê?! Ah, mas essa velha é mesmo muito escrota! Como você tem coragem de inventar uma mentira dessas?!

- Desculpe, senhor, é o que eu vejo. E madame Luna não se engana nunca.

- Pois dessa vez você se enganou, velha escrota, dessa vez você se enganou! Eu vou embora daqui, antes que me irrite mais ainda...

- Primeiro precisa pagar a consulta, senhor. São cinco mil reais.

- CINCO MIL?! CINCO MIL?! Mas a senhora é mesmo uma louca, uma lunática! Pra que eu pagaria cinco mil por uma consulta ridícula dessa?

- Bem, senhor, creio que sua mulher não ficaria muito contente ao descobrir que o senhor tem um amante.

- Ah, essa é boa! Pois saiba que minha mulher é inteligente, sabe o marido que tem, e, além do mais, nunca acreditaria em uma vidente picareta como a senhora!

- Então quer dizer que o senhor não vai pagar a conta?

- Mas é claro que não!

- Vejo também um menino de nove anos...

- Aceita cartão?

8 comentários:

Anônimo disse...

aHAuuhaUHAuhaUHAhaHAhua
boua

emilia disse...

ótimo!
teus textos são muito bem sacados.
adoro, e tem um link dessa página no meu blog...

coitado do cara...cheio de podres no passado ;)
:*

Tácio disse...

hahahahahaa, muito foda.

Patrick Gleber disse...

Mudando um pouco de assunto... Escrevi hoje no meu blog sobre o tema: SENADORES SEM VOTO. Leia minha opinião e dê a sua também. Aguardo.

www.blogdopatrick.br21.com

LP disse...

Mas que cortada de assunto...

Tácio disse...

Mas mudando um pouco de assunto, eu tenho escutado muito o wish you were here do pink floyd...

Tácio disse...

...tem de creme?

Anônimo disse...

Sim, provavelmente por isso e